Pajozinhos

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

1 Ano de Bia

Como assim já passou 1 ano? COMO?

Nem parece real. Passei  9 meses à espera que ela nascesse e de repente já tem 1 ano. Quando nos dizem "aproveita que passa rápido" pensamos "sim sim, já sei" mas é verdade. Acontece tudo tão rápido que quando dei por mim já tinha passado 1 ano.

A Bia já nem parece uma bebé, já anda apoiada, bebe água e leite sozinha. Basicamente ela já só precisa que lhe faça a comida e que lhe mude a fralda.
Bom também precisa que lhe dê banho, que a vista, que lhe dê a comida sólida porque ainda não sabe pegar na colher, mas vocês percebem o que quero dizer. Ela está cada vez está mais independente o que é bom, maaas custa um bocadinho. Foi bebézinha durante tão pouco tempo.
Quando vejo as fotos que tirámos há 1 ano, já tenho tantas saudades. É claro que ela agora interage muito mais connosco e é bom vê-la a descobrir tudo, mas às vezes também é assustador ver a velocidade a que ela se torna uma mini pessoa.

1 ano, 8.900Kg e 76cm depois a minha bebé cresceu.

Neste ano de vida a Bia:

  • Passou 6 meses comigo e os restante na creche, 2 creches para ser mais concreta.
  • Entrou na natação onde descobrimos que é uma aventureira sem medo de nada e que adora água.
  • Foi à praia e ficámos a saber que mãozinha na areia nem pensar. É super engraçado ver que ela fica mesmo incomodada com a areia. Basta ter uns grãozinhos de areia na mão e fica a olhar e a tentar tirar. Para terem uma noção, se um brinquedo estiver na areia, ela não o vai buscar por muito que queira brincar com ele. Chama a atenção e aponta para o brinquedo para que nos lhe dêmos o brinquedo. E claro que senta-la na areia nem pensar. Na praia, ou esta na toalha ou na piscina, tudo o resto não dá. Já a tentamos sentar à beira mar mas não a convencemos.
  • Foi à quinta pedagógica dos Olivais e ficou maravilhada com as ovelha;
  • Desafia todos os dias a paciência dos patudos cá de casa 😇
  • Experimentou novos alimentos, e deixem-me dizer que ela adora comer.
E muito mais está por vir. 


sábado, 15 de setembro de 2018

Maleitas da creche #1

É finalmente estamos de férias 😀😀😀 Depois de uma semana em que a Bia acordou várias vezes à noite, nada podia ser melhor do que entrar de férias. Mas quem é mãe/pai sabe que nunca se entra meeesmo de férias.

Pois bem, no dia antes de entrar de férias, recebi um e-mail da creche da Bia no qual informavam que havia um caso de oxiúro na creche, embora não fosse na sala da Bia. E o que é um oxiúro? Segundo o Dr. Google, é um verme que parasita o intestino. E claro que uma pessoa lê isto e fica logo de cabelos em pé.

A transmissão do oxiúrus ocorre pelo contato com os ovos do verme que podem estar nos objetos de uso pessoal da criança infetada por isso já podem imaginar o quão rápido se espalha numa creche.
Alguns dos sintomas são comichão no ânus, enjoos e vomito.

A Bia não tinha nenhum destes sintomas mas na creche aconselharam todos os pais a falarem com os pediatras para que as crianças fossem observadas, até porque é necessário tomar medicação.

Mais tarde, recebi outro e-mail a informar que tinham sido reportados mais casos noutras duas salas e por isso decidi ligar para a minha sns24 para saber como devia proceder pois a Bia tem consulta marcada na pediatra mas ainda faltam uns dias.

Liguei e, após algumas perguntas, sugeriram que no dia seguinte nos dirigíssemos ao centro de saúde para que a Bia fosse observada. Informaram-me do horário de atendimento e que tinham enviado uma notificação para o centro a informar que a Bia iria ser encaminhada para observação. Pediu que no momento em que fossemos pedir para a Bia ser observada, referisse que tinha sido por indicadin do sns24.

Na altura fiquei "Hmm sim, estou mesmo a ver que vou ficar imenso tempo há espera" mas a verdade é que não. Chegámos à secretaria, referi que tínhamos sido encaminhadas pelo sns24, dei os dados da Bia e disseram-me para aguardar porque a médica de família não estava mas iríamos ser atendidas pela médica que a estava a substituir. Bom, posso dizer que demorámos mais na fila para dar entrada no centro de saúde do que à espera da consulta. 

Depois de algumas perguntas, saímos de lá com uma receita de "desparatisante" para a Bia, para nós e para os avós. E com a indicação que deveríamos falar com o veterinário dos meninos para saber o que seria necessário fazer. E adivinhem... Também precisavam de ser desparatisados. 
Apesar de nenhum de nós ter sintomas para já, mas neste caso é mais prevenção uma vez que se espalha muito rápido e de forma fácil. 

Resumindo, mais uma vez estou muito satisfeita com o atendimento da linha sns24 e já fomos todos desparasitados 😆 Nada mal para o primeiro dia de férias, não é? 


segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Fomos à Comic Con e....
E... Gostámos! Não posso dizer que foi a coisa mais fantástica que já vi até porque não é a Comic Con que se vê nos EUA.
Mas fomos sem expectativas, sem fazer grande ideia do que íamos encontrar, e acho que foi por isso que não ficamos desiludidos.

Se a maioria das pessoas estava com cosplay? Não, mas nós também não estávamos.  Mas posso dizer que havia lá pessoa que deram tudo, estavam mesmo muito bem.

Não fomos a muitas conferências, apenas vimos 2, Elyes Gabel ( ator na série Scorpion e Guerra dos Tronos)  e Dolph Lundgren (ator Rocky 4, Os Mercenários..)

Na maioria do tempo que lá estivemos aproveitamos para ir espreitar um pouco todos os "auditórios", vimos concursos de K-pop que sinceramente não percebi 🤣 Já estou a ficar velhota. Acho que fiquei com a mesma cara que a minha mãe fazia quando eu ouvia os Excesso ou os Backstreet Boys.

Mas passado à frente, tiramos fotos com adereços dos Avengers e Star Wars. Procuramos uma caixa de papelão que não sabia o que era mas toda a gente tinha por isso eu também queria uma. Acabamos por descobri que era um banco portátil 😂

Enfim, foi muito divertido. Percebo as críticas que quem queria que tivesse o mesmo nível que as Comic Con, eu também queria mas a verdade é que esta é apenas a 5 edição, de certeza que está melhor desde que começou, vão aprendendo. Também não podemos espera que de um ano para o outros Portugal tivesse a melhor Comic Con de todos os tempos.

Relativamente à polémica de terem trazido a Comic Con para Lisboa, não percebo.
Podiam ir revezando, um ano em Lisboa, outro em Matosinhos e outro no Algarve até. Quando é o problema? As pessoas têm sempre que ver um problema em tudo. Até porque de certeza que algumas das pessoas que ficaram tão indignadas nunca foram à Comic Con enquanto foi em Matosinhos, mas este ano que foi em Lisboa é que se lembraram. Haja paciência pessoas, haja paciência.













quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Receitas dos Pajo #6

Já há algum tempo que não falamos de receitas aqui no blog, por isso esta semana decidi trazer uma receita para o lanche: Iogurte com quinoa e manga.

Ingredientes:

  • 1/2 chávena de café de quinoa
  • 2 chávenas de café de água
  • Casca de limão
  • 1 iogurte natural
  • 1 banana


  1.  Lavar a quinoa
  2. Num tacho, colocar a quinoa, a água e a casca de limão. Deixa cozer em lume brando durante cerca de 10 minutos.
  3. Passar a quinoa por água fria e retirar a casca de limão.
  4. Colocar a quinou num taça e adicionar a banana cortada em pedação.
  5. Esmagar a banana juntamente com a quinoa.
  6. Adicionar o iogurte.


Porquê a quinoa? Bom, alguns dos benefícios da quinoa são:

  1. Rica em proteína, contém 9 aminoácidos essenciais;
  2. Rica em fibra, ferro e magnésio;
  3. Rica em vitamina B1, B2, B6, Vitamina E, Potássio. A vitamina B2 melhora os níveis de energia muscular e do cerebral.
  4. Contém hidratos de carbono complexos, muitas vezes conhecidos como lentos ou de absorção lenta.
Ainda é preciso perguntar? Bem me parecia 😉

A Bia no início estranhou um pouca a quinoa, mas agora já come muito bem. É uma questão de hábito, por isso não desistam se da primeira vez não correr bem. Podem sempre substituir a banana por outra fruta e ver se ajuda na introdução da quinoa.

Espero que gostem, e bons lanches!

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

As alergias da Kim #6
Bom, e 4 meses e meio depois venho falar novamente das alergias da Kim. No último post sobre este tema falei das alergias alimentares e da nova alimentação da Kim ( ver aqui).

Pois bem, mudámos a alimentação, dê-mos tempo para ver se resolvia o problema das alergias, mas não. Continuou a coçar-se imenso, tem zonas do corpo em que já nem tem pêlo de tanto de coçar. 
Por isso decidimos analisar as alergias ambientais.

Os resultados vieram e descobrimos que a Kim tem alergia a:

  • Capim-das-bermudas (graminea);
  • Quenopódio (erva);
  • Dermatophagoides farinae (ácaro);
  • Tyrophagus putrescentiae (ácaro):
  • Acarus siro (ácaro).
E como resolvemos isto? Não são coisas que possamos tirar do dia-a-dia dela.

Começamos por fazer um tratamento com ozono (ver aqui) mas depois de 1 mês não vimos melhorias nenhumas. 
Entretanto, juntamente com a veterinária, optámos por fazer um tratamento medicamentoso. A Kim está a tomar Apoquel (indicado para o tratamento do prurido associado às dermatites alérgicas) e Impromune (suplemento alimentar para aumentar a resposta imune).

E, finalmente, começamos a ver resultados. E imaginem, o pêlo da Kim está a começar a crescer nas zonas em que perdeu de tanto se coçar. FINALMENTE! Finalmente a Kim tem algum descanso.

Atenção:antes de darem o que quer que seja aos vossos patudos, consultem o veterinário. Ele saberá qual o melhor tratamento. Cada cão tem um historial médico diferente, e até pode nem precisar de medicamentos, uma simples mudança de alimentação pode resolver e evitam dar medicamentos.  No nosso caso, o medicamento foi usado como último recurso,depois de mais nada ter resultado.

quarta-feira, 25 de julho de 2018

O que levamos na mala da praia para a Bia

Eu não sei como é aí por casa, mas se for como aqui, há uma grande tendência em "andar com a casa atrás" no que toca à Bia. E acho que é normal, não é? No fundo não queremos que falte nada, nem que seja aquele brinquedo em que ela nunca pega mas que naquele preciso momento pode ser a coisa que mais deseja no mundo.

E como é óbvio a ida à praia não é exceção. Desde que começamos a ir a praia, ainda não tiramos nada, só somamos coisas para levar. 

Neste momento na mala da Bia levamos:
  • Protetor Solar - Neste momento estamos a usar o LetiAT4 Defense SPF50+ (para peles atópicas);
  • Água;
  • 1 manta larga - assim pode mexer-se à vontade;
  • Toalha de banho;
    • Brinquedos - até tem um balde e umas pás em miniatura 😍
    • Fraldas de banho;
    • Fato de Banho - Só vestimos na praia uma vez que as fraldas de banho só retém sólidos. Percebi isto na ida para a piscina, quando lá chegámos estava encharcada em xixi. Bem que podiam por um aviso na embalagem. (se souberem de alguma marca em que isto não aconteça, deixem aqui nos comentários sff 😊);
    • Fraldas "normais";
    • Toalhitas Waterwipes;
    • Piscina - vejam aqui qual escolhemos. E não, não é preciso encher;
    • Muda de roupa mais quente - não, não somos loucos, já nos aconteceu chegar à praia e estar nevoeiro e fresquinho;
    • Comida, muuuuuita comida que as bochechas desta miúda não se alimentam com pouco;
    • Fralda de pano porque ela gosta de dormir agarrada à fralda;
    • Pára-vento - dá imenso jeito para restringir o espaço dela e dar mais sombra.
    • Chapéu de sol - se bem que este já levamos antes;
    • E ainda estamos a pensar juntar uma "tenda de praia" a esta lista. Vocês usam? Se sim,qual? Onde comprar? Já encontramos uma mas pareceu-nos demasiado grande.
    E pronto é isto, coisa pouca não acham? E vocês o que levam?

    quarta-feira, 18 de julho de 2018

    Review dos Pajo #3
    Desta vez a nossa review não é sobre um restaurante, mas descansem porque continuamos no tema COMIDA.

    Experimentámos o Bebé Gourmet, que pelo nome já devem ter percebi que é um serviço de comida para bebés.
    A primeira vez que ouvir falar do Bebé Gourmet foi durante uma consulta de osteopatia. Destas não estavam à espera, não é? Pois é, a minha osteopata tem 2 filhos e contou-me que costuma ir a Bebé Gourmet buscar comida congelada para os dias em que anda mais atarefada.

    Achei a ideia interessante mas confesso que na altura não liguei. A Bia na altura ainda só bebia leite, não era algo que me preocupasse no momento.
    Até que um dia, ia no carro e reparo que a minha frente vai uma carrinha com uma cenoura e na qual se lia "Bebé Gourmet" e eu pensei "espera lá, eu já ouvi falar nisto". Entretanto a carrinha parou e fiquei a saber onde era a loja. Que caso estejam interessados fica em Telheiras, Rua Fernando Namora, nº45 C. Quem é amiga, quem é?

    E não, não foi neste dia que decidi experimentar. Tudo aconteceu num dia em que, adivinhem lá...Não tinha nada (sólido) feito para a Bia comer depois de a ir buscar à creche. 
    Andei à procura no site para perceber se vendiam sem encomenda e sim. Mas também é possível encomendar.
    Eles têm um menu semanal, na qual oferecem vários pratos (sopa, prato principal e sobremesa). Podemos optar por comida refrigerada ou ultra-congelada. E claro, todos os ingredientes são de origem biológica e não utilização corantes nem conservante.

    Para primeira experiência, trouxe uma sopa de beterraba com pescada e para sobremesa manga e cenoura cozida. A Bia adorou e eu fiquei convencida com o bom serviço.
    Entretanto claro que já lá voltamos, e a Bia (e os papás) já provaram a pescada com molho de coco e arroz basmati, pescada gratinada com brócolos e batata, sopa de alface com pescada e sopa de alface com frango. 
    E sim, confesso que esta semana já lá voltei para ir buscar filetes de pescada assada em cebolada com puré de batata.

    Continuamos fazer comida para Bia, e claro que fica mais caro ir buscar. Mas convenhamos que há dias em estamos tão cansados e a última coisa que apetece é ir cozinhar. E é para estes dias que existe a Bebé Gourmet. Bom, pelo que vi no site serve para muito mais, mas para nós serve para nos dar mais tempo livre.

    Ah e para bónus o atendimento é super simpático e prestável. Boa comida e simpatia, o que podemos pedir mais?

    1 Ano de Bia

    Como assim já passou 1 ano? COMO? Nem parece real. Passei  9 meses à espera que ela nascesse e de repente já tem 1 ano. Quando nos diz...

    @templatesyard